Tipos de Câncer

Câncer de Pulmão

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia Sanofi Grunenthal Sirtex Servier Oncologia


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Causas do Câncer de Pulmão

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 14/09/2014 - Data de atualização: 20/04/2020


A causa de cada tipo de câncer de pulmão é desconhecida. Mas, se sabe que muitos dos fatores de risco podem levar as células a se tornarem cancerígenas.

  • Tabagismo

O tabagismo é a principal causa do câncer de pulmão. Pelo menos 80% das mortes por câncer de pulmão são causadas pelo fumo, e muitas outras são provocadas pela exposição ao fumo passivo.

Fumar é claramente o fator de risco mais importante para o câncer de pulmão, mas, muitas vezes, interage com outros fatores. Os fumantes expostos a outros fatores de risco como o radônio e amianto têm o risco ainda maior. Nem todas as pessoas que fumam têm câncer de pulmão de modo que outros fatores, como os genéticos provavelmente também desempenham um papel importante.

  • Câncer de pulmão em não fumantes

Nem todos os pacientes com câncer de pulmão são fumantes. Muitos são ex-fumantes e outros nunca fumaram. E é raro alguém que nunca fumou ser diagnosticado com câncer de pulmão de pequenas células, mas pode ocorrer.

O câncer de pulmão em não fumantes pode ser causado ​​pela exposição ao radônio, fumo passivo, poluição do ar ou outros fatores. A exposição ocupacional ao amianto, escape dos motores diesel ou outros produtos químicos também pode causar câncer de pulmão em pessoas que não fumam.

Uma pequena porcentagem dos cânceres de pulmão ocorre em pessoas sem fatores de risco conhecidos para a doença. Alguns deles podem ser apenas eventos aleatórios sem uma causa externa, mas outros podem ser devido a fatores ainda não conhecidos.

O câncer de pulmão em não fumantes apresenta aspectos diferentes daqueles que ocorrem em fumantes. Eles tendem a acontecer em idades mais precoces. O câncer de pulmão em não fumantes, muitas vezes apresenta algumas alterações genéticas que são diferentes daquelas em tumores de fumantes. Em alguns casos, essas alterações podem ser usadas para orientar o tratamento.

  • Alterações genéticas

Os pesquisadores já têm conhecimento de que alguns dos fatores de risco para o câncer de pulmão podem causar determinadas alterações no DNA das células do pulmão. Essas mudanças podem provocar um crescimento anormal das células e, às vezes, o câncer. O DNA é um composto orgânico cujas moléculas contêm as instruções genéticas que coordenam o desenvolvimento e funcionamento de todas as células. Normalmente, as pessoas se parecem com seus pais, porque eles são a fonte de seu DNA. Entretanto, o DNA também pode influenciar o risco de desenvolver certas doenças, como alguns tipos de câncer.

Alguns genes contêm instruções para controlar o crescimento e divisão das células. Os genes que promovem a divisão celular são chamados oncogenes. Os genes que retardam a divisão celular ou levam as células a morte no momento certo são chamadas de genes supressores de tumor. Os cânceres podem ser causados ​​por alterações do DNA que se transformam em oncogenes ou desativam os genes supressores de tumor.

  • Alterações genéticas hereditárias

Algumas pessoas herdam mutações no DNA de seus pais, e aumentam o risco de desenvolver certos tipos de câncer. Outras herdam uma alteração permitindo que certas substâncias químicas no organismo, como as encontradas na fumaça do tabaco, possam aumentar seu risco de desenvolver câncer de pulmão.

Outras pessoas herdam mecanismos de reparo de DNA defeituosos, capazes de provocar mutações no DNA. Cada vez que uma célula se prepara para se dividir em duas novas células, é feita uma nova cópia do seu DNA. Esse processo não é perfeito, podendo ocorrer erros na cópia. Normalmente, a célula contém enzimas de reparo do DNA para evitar isso, entretanto, quando as enzimas de reparo não funcionam bem as pessoas podem se tornar vulneráveis a produtos químicos cancerígenos e às radiações.

Alguns cânceres de pulmão de não pequenas células produzem a proteína EGFR em excesso. Essa alteração genética é observada com frequência no adenocarcinoma de pulmão em mulheres asiáticas jovens e não fumantes, mas o excesso de EGFR também foi observado em mais de 60% dos casos de câncer de pulmão de não pequenas células metastáticos.

  • Alterações genéticas adquiridas

Alterações genéticas relacionadas ao câncer de pulmão são geralmente adquiridas durante a vida. Mutações adquiridas em células pulmonares muitas vezes são devido a fatores ambientais, como produtos químicos causadores de câncer no fumo do tabaco. Mas algumas alterações genéticas podem ser devido a eventos aleatórios que às vezes acontecem dentro de uma célula, sem uma causa externa.

Alterações adquiridas em determinados genes, como nos genes supressores de tumores RB1 ou p16 e nos oncogenes K-RAS ou ALK são consideradas importantes no desenvolvimento do câncer de pulmão de não pequenas células. Alterações no gene de supressão de tumor TP53 e no cromossomo 3 podem ser observadas no câncer de pulmão de não pequenas células e no câncer de pulmão de pequenas células. Nem todos os cânceres de pulmão compartilham as mesmas alterações genéticas, por isso, existem sem dúvida, alterações em outros genes que ainda não foram descobertas.

Texto originalmente publicado no site da American Cancer Society, em 01/10/2019, livremente traduzido e adaptado pela Equipe do Instituto Oncoguia.



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive