top

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Câncer é a doença que mais mata pessoas de 15 a 29 anos, aponta Inca

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 14/02/2017 - Data de atualização: 14/02/2017


Durante o período de 2009 a 2013, o câncer foi a principal causa de morte por doença na faixa etária de 15 a 29 anos, e a segunda causa geral neste grupo no Brasil, atrás apenas de "causas externas" (acidentes e mortes violentas de diferentes tipos).

De acordo com os dados publicados pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) e o Ministério da Saúde (MS), entre os cinco anos de pesquisa, houve 17,5 mil mortes por câncer entre os jovens brasileiros. O estudo aponta que a taxa média de mortalidade por câncer de adolescentes e adultos jovens foi de 67 por 1 milhão.

Além disso, a publicação indicou que a média de pessoas de 15 a 29 anos que tiveram câncer foi de 236 casos/milhão. A taxa é superior à verificada em crianças de 0 a 14 anos, que é de 127/milhão, mas inferior às dos principais tipos de câncer em adultos.

Segundo os dados do Inca, os tumores mais frequentes em adolescentes e adultos jovens são os carcinomas (34%), linfomas (12%) e tumores de pele (9%). Já as regiões mais frequentes dos carcinomas em adolescentes e adultos jovens são no trato geniturinário (taxa de incidência de 24,83 por 1 milhão), tireoide (14,18 por 1 milhão), mama (12,46 por 1 milhão) e cabeça e pescoço (4,57 por 1 milhão).

A pesquisa destaca, que o câncer de colo do útero é o de maior incidência em mulheres nesta faixa de 15 a 29 anos. O desenvolvimento da doença está ligado à infecção pelo HPV, transmitido na relação sexual. Desta forma, eles ressaltam a importância da vacina contra o HPV - disponível no Sistema Único de Saúde (SUS). Meninas de 9 a 14 anos devem tomar duas doses com intervalo de seis meses, e, desde o mês passado, meninos de 12 e 13 anos também podem se vacinar.

O objetivo do Inca é que o estudo sirva como balizador para o planejamento e a gestão de ações e políticas de saúde pública voltadas para a faixa etária de 15 a 29 anos. Contudo, o ministério disse que a boa notícia é que a taxa está estável nos últimos anos. Entre 1979 a 2013, a variação das taxas de mortalidade nesta faixa etária foi de apenas 0,3%.

Fonte: Minha Vida

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive