Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Sanofi Grunenthal Daiichi Sankyo


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Campanha 'Abril Amarelo' faz alerta ao câncer ósseo

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 16/04/2021 - Data de atualização: 16/04/2021


O mês de abril é marcado pela campanha do ‘Abril Amarelo’ que alerta para o diagnóstico precoce do Câncer Ósseo. Dados da Sociedade Brasileira de Cancerologia mostram que o tumor ósseo representa 2% das patologias oncológicas no Brasil, com uma incidência de aproximadamente 2.700 casos novos por ano.

Ainda de acordo com a Sociedade, são registrados, em média, dois a três casos da doença a cada 1 milhão de habitantes. O Mieloma Múltiplo é o tipo mais comum em pessoas a partir dos 50 anos, chegando a quatro casos por cem mil habitantes. Nas crianças e adolescentes, o tipo mais comum é o Osteossarcoma. O câncer ósseo, normalmente, afeta os ossos longos dos braços e coxas, coluna e bacia.

“A doença é classificada em tumor ósseo primário, que é quando o câncer se desenvolve diretamente no osso. E tumor ósseo secundário, que surge a partir de um processo conhecido como metástase óssea, quando um câncer em outro órgão se dissemina pelos ossos. Estudos mostram que alguns tipos de câncer têm mais chances de desenvolver o tumor ósseo secundário. Entre eles, estão: o câncer de mama, próstata, pulmão, rim e o câncer de tireoide”, explicou o ortopedista oncológico, Fernando Brasil.

A causa específica da maioria dos tipos de câncer ósseo é desconhecida. Porém, acredita-se que ela esteja relacionada a um erro no DNA de algumas células, que faz com que haja uma mutação ou divisão celular de forma irregular. A exposição a altos níveis de radiação, síndromes genéticas e doenças pré-existentes, como a Doença de Paget, contribuem para o aumento de chances de desenvolvimento do tumor ósseo.

Um dos principais sintomas do câncer ósseo são as dores intensas e frequentes em determinadas partes do corpo, sendo maior durante a noite ou quando a pessoa está em repouso. Além disso, há também as fraturas patológicas causadas por algum acometimento prévio do osso.

Fonte: G1

As opiniões contidas nas matérias divulgadas refletem unicamente a opinião do veículo, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive