top
De Paciente

para Paciente

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

5 Aspectos surpreendentes do Diagnóstico de Câncer

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 21/07/2016 - Data de atualização: 21/07/2016


O câncer é cheio de surpresas. Nenhum de nós pode estar totalmente preparado, mas podemos ajudar uns aos outros a descobrir o que esperar... Pelo menos um pouco!

Eu não seria capaz de colocar em palavras minha surpresa ao ouvir "você está com câncer", mas eu poderia escrever um romance sobre todas as coisas que me surpreenderam sobre ter câncer.

É como se todos os dias uma nova surpresa estivesse esperando por mim a cada esquina, como os efeitos colaterais do tratamento, a evolução da doença ou apenas como eu me sentia emocionalmente. Algumas das maiores surpresas que eu tive foram:

  • Eu não sabia nada sobre o tipo de câncer que eu tinha

Eu tenho uma história familiar de câncer por isso mesmo antes do diagnóstico, eu costumava imaginar como seria se um dia eu descobrisse a doença. Além disso, aos 20 anos não era exatamente a década mais saudável de minha vida, então eu pensei que se eu tivesse câncer seria por adorar o sol e passar horas embaixo dele ou câncer de pulmão, depois de 10 anos fumando socialmente. Então, a coisa mais surpreendente para mim foi quando fui diagnosticada com linfoma de Hodgkin, um tipo de câncer do sangue. Eu tinha ouvido falar de Hodgkin, mas realmente não sabia muito sobre ele. Câncer de mama, glioblastomas, câncer de pele, eu sabia sobre esses, mas não câncer do sangue.

  • Eu era uma "paciente com câncer” um tanto diferente do que eu esperava ser

A segunda coisa mais surpreendente foi a minha reação ao ser uma paciente com câncer. Quando eu me imaginava com câncer, costumava me ver como a brava, feroz, guerreira - não iria deixar a doença me derrubar, ou me mudar, continuaria trabalhando e não deixaria que afetasse minha vida diária.

Eu me surpreendi bastante por não ser essa pessoa que eu imaginei que seria. Tentei continuar trabalhando, tentei continuar correndo, tentei manter contato com os meus amigos, mas, eventualmente, a químio, a radio e os efeitos colaterais me afastaram.

  • Eu não estava preparada para os efeitos colaterais, físicos e emocionais

Durante o meu tratamento contra o câncer, fiz seis sessões de quimioterapia, cada uma com diferentes graus de efeitos colaterais. Durante a primeira consulta com meu oncologista, ele mencionou que eu teria náuseas e perderia o cabelo, mas ninguém pode realmente te preparar para o que você vai passar física ou emocionalmente. As náuseas e vômitos não foram nada diferente do que eu já não tinha experimentado. Eu tinha alguns outros efeitos colaterais surpreendentes, como feridas na boca, gosto metálico e mudanças no olfato, foram tantas pequenas alterações . Eu simplesmente não estava preparada.

  • Eu não fazia ideia de quanto cabelo poderia perder

Fiquei surpresa com minha reação ao perder o cabelo. Eu sempre fui uma pessoa que experimentava diferentes estilos e cortes porque, depois de tudo, é apenas o cabelo. No dia eu o raspei, me senti ousada, corajosa e, finalmente, no controle da doença. No dia seguinte, eu acordei, olhei no espelho e chorei como não chorava há muito tempo. Naquele momento, a realidade de estar doente me atingiu como uma tonelada de tijolos. Sim, eu estava na minha segunda sessão de químio e já tinha feito duas de radioterapia, mas minha cabeça careca fez tudo ser real.

Além disso, quando meu médico disse que eu iria perder o cabelo, não mencionou que eu iria perder todos os pelos do corpo. Eu não estava preparada para olhar no espelho e não ter sobrancelhas ou cílios. Eu não estava preparada para olhar para os meus braços e não ter um pelo. O lado positivo, é que eu não precisaria fazer depilação nas pernas por um tempo, certo? rsrsrs

  • Eu experimentei uma série de mudanças em meus relacionamentos

Não fiquei surpresa quando meus relacionamentos mudaram, mas fui surpreendida pelos que mudaram e a direção em que eles mudaram. Fiquei surpresa com as pessoas que, eventualmente, caíram no esquecimento, mas me surpreendi com aquelas que apareceram, com alimentos, pensamentos, ou apenas um texto para me mostrarem que estavam pensando em mim.

Tento preparar as pessoas para alguns aspectos surpreendentes de um diagnóstico de câncer, para que ninguém seja pego de surpresa, como aconteceu comigo... Tento dar dicas úteis para lidar com os efeitos colaterais, e sempre dou ouvidos quando algumas pessoas precisam desabafar ou chorar. A verdade é, porém, que ninguém pode realmente estar totalmente preparado. A jornada do câncer é diferente para cada um e cada um tem seus próprios pequenos momentos de "ei, eu não estava preparado para isso".

Embora o câncer apresente todos os tipos de surpresas para você, você pode se surpreender com o quão forte você realmente é.

Por. I.F.


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive