Espaço do

Familiar


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

[CÂNCER DE BOCA E OROFARINGE] Tatiane Ribeiro

Compartilhando Experiência



Essa entrevista foi preenchida em 07/05/2017

  • Instituto Oncoguia - Você poderia se apresentar? Tatiane - Sou Tatiane, tenho 35 anos e fui diagnosticada no final de 2014 com tumor de cavidade oral. Foi feito glossectomia total da mandíbula direita e esvaziamento cervical em Maio de 2015, e atualmente terminei o tratamento de rádio e quimio.
  • Instituto Oncoguia - Quem em sua família tem/teve câncer? Tatiane - Minha mãe teve um tumor em 2009 na nasofaringe e não pode, infelizmente ela faleceu no ano seguinte.
  • Instituto Oncoguia - Sabemos que o diagnóstico de um câncer também tem um impacto grande na família, como você lidou com esse momento? Tatiane - Foi um momento bem complicado, mas nunca pensei que ela fosse morrer, sempre pensei que era uma fase e ia passar.
  • Instituto Oncoguia - Quais foram os principais desafios enfrentados? Tatiane - Os desafios ficar longe das minhas filhas uma vez que eu fiquei muito debilitada e longe do trabalho da vida agitada que eu levava e o psicológico extremamente abalado.
  • Instituto Oncoguia - De que forma você ajudou seu familiar? Tatiane - No meu caso foi feito um mutirão de pessoas que ajudaram, meus familiares, vizinhos, colegas do trabalho... Todos se sensibilizaram de alguma forma. Sendo assim, recebi muito apoio palavras de conforto e orações - cada um na sua crença. Essa mobilização foi muito significativa.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou se informar sobre a doença? Isso lhe ajudou? Tatiane - Na época faltou informação, pois eu não conhecia sobre tumor de cavidade oral.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou apoio psicológico? Se sim, de que forma isso lhe ajudou? Tatiane - Sim, até hoje ainda passo com a psicóloga e recentemente passei com psiquiatra, acho muito importante esse serviço.
  • Instituto Oncoguia - Que conselho ou dica você daria para um familiar que esta enfrentando o câncer em casa? Tatiane - Eu aconselho aos familiares a terem muita paciência, amor e acreditar que essa doença mexe muito com o psicológico de todos. É uma fase complicada, mas temos que acreditar que tudo passará.
  • Instituto Oncoguia - Como você conheceu o Instituto Oncoguia? Tatiane - Pelo Google.
  • Instituto Oncoguia - Você tem alguma sugestão a nos dar? Tatiane - Gostaria que divulgassem grupos de ajuda nas redes sociais, por exemplo, no nosso caso temos em uma rede social um grupo somente de pacientes com câncer de boca. Trocamos muitas experiências e um ajuda o outro. Nos tornamos grandes amigos.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive