Espaço do

Familiar


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

[LEUCEMIA LINFOIDE AGUDA (LLA) ] Arianne da Silva Araujo

Compartilhando Experiência



Essa entrevista foi preenchida em 31/03/2016

  • Instituto Oncoguia - Você poderia se apresentar? Arianne - Oi, meu nome é Arianne, tenho 27 anos, sou casada há 8 anos e tenho um casal de filhos Hechiley de 6 e Pietro, com 2 anos.
  • Instituto Oncoguia - Quem em sua família tem/teve câncer? Arianne - Minha filha Hechiley de 6 anos luta contra a leucemia desde os 2 anos de vida. Agora, ela  enfrenta pela 3 vez a doença.
  • Instituto Oncoguia - Sabemos que o diagnóstico de um câncer também tem um impacto grande na família, como você lidou com esse momento? Arianne - Foi difícil como pra qualquer mãe ver sua única filha com apenas 2 anos de idade passar por algo tão agressivo. Quando o médico me deu o diagnóstico, o primeiro pensamento que veio foi "vou perder minha filha". Entrei em desespero, fiquei em choque, pensei em várias coisas... O médico chegou a dizer que ela não aguentaria a primeira sessão de quimioterapia, mas passaram 4 anos e ela está aqui ainda na luta pela 3° vez, mas firme e forte.
  • Instituto Oncoguia - Quais foram os principais desafios enfrentados? Arianne - O principal foi cuidar de uma criança com câncer. A nossa vida deu um giro de 360° graus. Como lidar com uma criança de 2 anos, explicar pra ela que quase tudo mudou, não poder comer aquilo que ela gostava e não brincar com os cachorros? Aqueles cuidados redobrados, sabe. Foi bem difícil.
  • Instituto Oncoguia - De que forma você ajudou seu familiar? Arianne - Amor, atenção, carinho e cuidados excessivos. Eu, como mãe, estando sempre ao lado dela, dizendo que vai dar tudo certo. Não podemos perder a fé.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou se informar sobre a doença? Isso lhe ajudou? Arianne - Sim... Pesquiso muito na Internet.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou apoio psicológico? Se sim, de que forma isso lhe ajudou? Arianne - Não, busquei ajuda e força em Deus.
  • Instituto Oncoguia - Após a descoberta do câncer no seu familiar, você ficou mais atento com a sua própria saúde? De que forma você se cuida? Arianne - Sim. Depois que tive meu segundo filho tenho mais cuidados, chega a ser excessivo.
  • Instituto Oncoguia - Que conselho ou dica você daria para um familiar que esta enfrentando o câncer em casa? Arianne - Fé, amor e esperança: três coisas que não podem faltar na vida de alguém com câncer.
  • Instituto Oncoguia - Como você conheceu o Instituto Oncoguia? Arianne - Não pessoalmente.
  • Instituto Oncoguia - Você tem alguma sugestão a nos dar? Arianne - Até agora tudo perfeito, vocês nos ajudam muito com suas informações.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive