Espaço do

Familiar


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

[LINFOMA DE HODGKIN] Aline lima

Compartilhando Experiência



Essa entrevista foi preenchida em 09/09/2020

  • Instituto Oncoguia - Você poderia se apresentar? Aline - Meu nome é Aline, tenho 33 anos e sou a mãe do Kauã. Ele tem 9 anos e foi diagnosticado com Linfoma Hodgkin em dezembro de 2019.
  • Instituto Oncoguia - Quem em sua família tem/teve câncer? Aline - Meu filho Kauã, hoje com 9 anos.
  • Instituto Oncoguia - Sabemos que o diagnóstico de um câncer também tem um impacto grande na família, como você lidou com esse momento? Aline - Foi muito difícil, pois eu já estava em tratamento com psicólogo por conta de ter perdido um bebê em 2018.  Em novembro de 2019 percebi um caroço no pescoço do meu filho e ali começava nossa batalha, a mais difícil e desafiadora de todas.
  • Instituto Oncoguia - Quais foram os principais desafios enfrentados? Aline - O mais difícil foi concluir o diagnóstico para poder iniciar o tratamento. Acredito que essa angustia de saber que ele estava doente e ainda não estava tratando foi a mais difícil. Agora saber que voltou e que precisamos iniciar nossa luta novamente está sendo pior ainda.
  • Instituto Oncoguia - De que forma você ajudou seu familiar? Aline - Fiz o que estava ao meu alcance como mãe: dando apoio, estando do lado dele sempre em todas as internações e estudando muito sobre o assunto para conseguir responder as perguntas dele de uma forma mais leve para que ele conseguisse entender tudo que estava acontecendo sem assustá-lo.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou se informar sobre a doença? Isso lhe ajudou? Aline - Muito. Estudei muito sobre a doença, tratamentos, efeitos colaterais, intercorrências. Isso, além de me ajudar a enfrentar o tratamento, também me ajudou a auxiliar outras mães que conheci durante o tratamento.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou apoio psicológico? Se sim, de que forma isso lhe ajudou? Aline - Sim, eu já fazia acompanhamento mas também procurei ajuda com a psicologa do hospital. Nós vivemos uma verdadeira montanha russa de emoções durante o tratamento e elas nos ajudam a compreender cada fase emocional.
  • Instituto Oncoguia - Após a descoberta do câncer no seu familiar, você ficou mais atento com a sua própria saúde? De que forma você se cuida? Aline - Sim, pois sei que ele precisa de mim bem para poder ajudá-lo. O que fiz foi cuidar do meu emocional, pois ele precisava mais de cuidados do que o clinico.
  • Instituto Oncoguia - Que conselho ou dica você daria para um familiar que esta enfrentando o câncer em casa? Aline - Nunca perca as esperanças, estude sobre a doença, faça algo que goste para distrair a mente, procure grupos de apoio e principalmente aproveite cada segundo ao lado do seu familiar.
  • Instituto Oncoguia - Como você conheceu o Instituto Oncoguia? Aline - Através do google, estava estudando sobre linfoma hodgkin e achei o site.
  • Instituto Oncoguia - Você tem alguma sugestão a nos dar? Aline - Seria legal se nos pudéssemos responder aos depoimentos, vi muitas pessoas com duvidas, angustiadas e seria legal se pudéssemos trocar experiencias.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive