Espaço do

Paciente


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Apoio

[Câncer de Mama] Marivone Mascon

Aprendendo Com Você



Essa entrevista foi preenchida em 10/03/2017

  • Instituto Oncoguia - Quem é você? (idade, profissão, tem filhos, casada, cidade e estado?) Marivone - Marivone Moscon, união estável, 1 filho, tenho 31 anos, sou funcionária pública municipal, moro em Xanxerê/SC.
  • Instituto Oncoguia - Como foi que você descobriu que estava com câncer? Marivone - Através do autoexame e, em seguida, mamografia, ultrassom e core biópsia.
  • Instituto Oncoguia - Você apresentou sinais e sintomas do câncer? Quais? Marivone - Não.
  • Instituto Oncoguia - Quais dificuldades você enfrentou para fechar o seu diagnóstico? Marivone - Exames à pagar. Eram muito caros.
  • Instituto Oncoguia - Como você ficou quando recebeu o diagnóstico? O que sentiu? No que pensou? Marivone - Fiquei sem chão, o mundo desabou... Pensei em me matar.
  • Instituto Oncoguia - Qual foi a sua maior preocupação neste momento? Marivone - Um turbilhão. As quimios, rádios, etc...
  • Instituto Oncoguia - Você já começou o tratamento? Em que parte do tratamento você se encontra nesse momento? Se já finalizou, conte-nos um pouco sobre como foi enfrentar todos os tratamentos? Marivone - Já finalizei o tratamento dia 02/03/2017. Finalizei as rádios e agora estou bem, fazendo acompanhamento a cada 3 meses.
  • Instituto Oncoguia - Em sua opinião, qual é o tratamento mais difícil? Por quê? Marivone - A quimioterapia é muito invasiva. Passei muito mal.
  • Instituto Oncoguia - Você sentiu algum efeito colateral diante ao tratamento? Como lidou com isso? O que te ajudou? Marivone - Sim, os efeitos foram muito acentuados. Em alguns momentos pensei em desistir.
  • Instituto Oncoguia - Como foi/é a sua relação com seu médico oncologista? Marivone - Muito boa, é uma excelente profissional.
  • Instituto Oncoguia - Você se relacionou com outros profissionais? Se sim, quais e por quê? Marivone - Sim, com médica mastologista que foi quem fez a mastectomia. E médicos clínicos que trabalham em nosso pronto atendimento 24 horas, com quem tenho uma relação diária.
  • Instituto Oncoguia - Você fez ou faz acompanhamento psicológico? Se sim, conte-nos um pouco sobre a importância desse profissional nessa fase da sua vida. Marivone - Sim, com este diagnóstico o nosso psicológico fica muito confuso, abalado.
  • Instituto Oncoguia - Como está a sua vida hoje? Marivone - Já voltei a trabalhar, porque o trabalho me faz bem, é uma terapia, e também por estar inserida no meio da saúde posso ajudar outras pessoas que passam por este problema tão difícil.
  • Instituto Oncoguia - Você continua trabalhando ou parou por causa do câncer? Marivone - Já voltei a trabalhar com limitações.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou seus direitos? Se sim, quais? Marivone - Sim, a compra de um carro novo com desconto, mas ainda não adquiri.
  • Instituto Oncoguia - Quais são seus projetos para o futuro? Marivone - Se estiver tudo bem continuarei trabalhando, mas voltar à uma vida normal não é fácil...
  • Instituto Oncoguia - Que orientações você daria para alguém que está recebendo o diagnóstico de câncer hoje? Marivone - Manter a calma. Sei que é difícil, mas hoje o tratamento é curativo, a medicina está muito avançada.
  • Instituto Oncoguia - Como você conheceu o Oncoguia? Marivone - Site.
  • Instituto Oncoguia - Você tem alguma sugestão a nos dar? Marivone - Pesquisa de vacinas e tratamento menos invasivos seria muito bom.
  • Instituto Oncoguia - O que você acha que deveria ser feito para melhorar a situação do câncer no Brasil? Deixe um recado para os políticos brasileiros! Marivone - Mais agilidade em diagnosticar o câncer e também no tratamento, quem recebe este diagnóstico não tem tempo para esperar.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive