Espaço do

Paciente


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Apoio
Roche Norvatis Varian Bristol Lilly Amgen Pfizer Astrazeneca Bayer Janssen Msd Google grants Techsoup Lookmysite Ipsen Servier UICC Merck Abbvie Mundipharma United Medical Takeda Astellas

[Câncer de Pele Melanoma] Manu Berger

Aprendendo Com Você



Essa entrevista foi preenchida em 02/12/2019

  • Instituto Oncoguia - Quem é você? (idade, profissão, tem filhos, casada, cidade e estado?) Manu - Empresária, 34 anos, casada, sou de Florianópolis mas moro em SP há 7 anos, tenho uma filha de 6 meses.
  • Instituto Oncoguia - Como foi que você descobriu que estava com câncer? Manu - Tenho histórico familiar então sempre me cuidei, tive uma pinta no meio das costas que começou a doer, eu achei que fosse por eu ser muito magra e ficar sentada por muito tempo, na época estava na faculdade. Cadeiras de faculdades nunca são confortáveis, imaginei que tinha machucado o sinal, mas na realidade quando retirei descobri o melanoma.
  • Instituto Oncoguia - Você apresentou sinais e sintomas do câncer? Quais? Manu - Apenas senti dor de um sinal machucado.
  • Instituto Oncoguia - Quais dificuldades você enfrentou para fechar o seu diagnóstico? Manu - Tive um diagnóstico rápido.
  • Instituto Oncoguia - Como você ficou quando recebeu o diagnóstico? O que sentiu? No que pensou? Manu - Muito mal. Na realidade em estado de choque, assim que fiquei sabendo meu médico indicou cirurgia de emergência por eu ser muito jovem e o melanoma ser grande. Por um tempo não consegui pensar em nada, mas quando comecei a fazer os exames pré operatórios tive um surto de choro e só falava para minha mãe que não queria estar doente. Era um misto de sentimentos que até hoje não consigo descrever exatamente.
  • Instituto Oncoguia - Qual foi a sua maior preocupação neste momento? Manu - Por mais bobo que pareça, minha preocupação era ficar careca, porque eu sabia que eu venceria a doença. Precisamos de tratamento ou cirurgia, então minha preocupação era o que eu faria nesse período porque sou super vaidosa.
  • Instituto Oncoguia - Você já começou o tratamento? Em que parte do tratamento você se encontra nesse momento? Se já finalizou, conte-nos um pouco sobre como foi enfrentar todos os tratamentos? Manu - Não precisei fazer tratamento. O melanoma foi diagnosticado precocemente e fiz apenas cirurgia e linfonodo sentinela.
  • Instituto Oncoguia - Como foi/é a sua relação com seu médico oncologista? Manu - Ótima! Ele sempre foi direto e sincero. Sou uma pessoa que não gosto de floreios nem meias palavras. Ele entendeu meu perfil e sempre foi muito claro comigo.
  • Instituto Oncoguia - Você se relacionou com outros profissionais? Se sim, quais e por quê? Manu - Dermatologista, Cirurgião, Geneticistas. Todos para ter a segurança de caso aconteça novamente seja precoce como os dois primeiros.
  • Instituto Oncoguia - Você fez ou faz acompanhamento psicológico? Se sim, conte-nos um pouco sobre a importância desse profissional nessa fase da sua vida. Manu - Não fiz, mas hoje vejo que teria feito diferença na época.
  • Instituto Oncoguia - Como está a sua vida hoje? Manu - MARAVILHOSA! Conquistei muitas coisas e principalmente uma família linda, mas sempre me cuidando!
  • Instituto Oncoguia - Você continua trabalhando ou parou por causa do câncer? Manu - Trabalhando!
  • Instituto Oncoguia - Quais são seus projetos para o futuro? Manu - Nossa! Muitos, acho que poderia fazer uma lista de pelo menos 10 ❤️
  • Instituto Oncoguia - Que orientações você daria para alguém que está recebendo o diagnóstico de câncer hoje? Manu - Procure ajuda de profissionais e carinho de quem ama você. Vai dar tudo certo!
  • Instituto Oncoguia - Você tem alguma sugestão a nos dar? Manu - Vocês são maravilhosos!!!!!!
  • Instituto Oncoguia - O que você acha que deveria ser feito para melhorar a situação do câncer no Brasil? Deixe um recado para os políticos brasileiros! Manu - Campanhas, acessos, programas para que todos tenhamos acesso à informação, tratamento e cura.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive