Espaço do

Paciente


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

[Câncer de Mama Avançado] Lucia Lopes da Silva

Aprendendo Com Você



Essa entrevista foi preenchida em 23/04/2016

  • Instituto Oncoguia - Quem é você? (idade, profissão, tem filhos, casada, cidade e estado?) Lucia - Eu sou Lucia Lopes da Silva, com 51 anos, técnica de Raio X, não tive a graça de ter filhos, mas sou casada e moro em Aratiba, Rio Grande do Sul.
  • Instituto Oncoguia - Como foi que você descobriu que estava com câncer? Lucia - Quanto estava tomando banho e estava passando a mão na minha axila senti um nodulo, dai me apavorei e começou toda a correria.
  • Instituto Oncoguia - Você apresentou sinais e sintomas do câncer? Quais? Lucia - Nenhum sintoma, sempre me cuidei, fazia exercícios e caminhadas diárias. Me cuidava muito...
  • Instituto Oncoguia - Quais dificuldades você enfrentou para fechar o seu diagnóstico? Lucia - Nenhuma, a equipe medica do hospital me ajudou muito.
  • Instituto Oncoguia - Como você ficou quando recebeu o diagnóstico? O que sentiu? No que pensou? Lucia - Eu fiquei apavorada no inicio, senti revolta, muito desanimo, mas aos poucos eu fui me convencendo que tinha que aceitar ou aceitar, então falei com Deus e me apeguei muito nele e tudo foi se acalmando e serenando o meu coração.
  • Instituto Oncoguia - Qual foi a sua maior preocupação neste momento? Lucia - De ficar sem minha mama, de ficar mutilada e é o que acontece com a gente.
  • Instituto Oncoguia - Você já começou o tratamento? Em que parte do tratamento você se encontra nesse momento? Se já finalizou, conte-nos um pouco sobre como foi enfrentar todos os tratamentos? Lucia - Bem. Já terminei o tratamento de quimo e radio, e agora só de hormonioterapia. Foi muito dolorido perder minha mama e meu cabelo chorei e sperneei muito, briguei com Deus, mas no final acabei no colo Dele. Me sentia sozinha, minha família toda mora em Porto Alegre e era só eu e meu marido e por cima, ele estudava a noite e eu ficava sozinha muitas vezes, passando mal por causa das quimios. Mas eu não queria ser um fardo para meu marido e mandava ele ir pra seus estudos a vida dele tinha que continuar, eu precisava enfrentar essa luta e ele me ajudou muito. Graças a Deus morro em um lugar onde as pessoas se ajudam muito e os vizinhos me faziam companhia até ele voltar da aula. Sou muito grata a Deus por morar em um lugar tão abençoado.
  • Instituto Oncoguia - Em sua opinião, qual é o tratamento mais difícil? Por quê? Lucia - A quimio, ela é muito malvada com a gente, ela acaba com a gente, mas depois a gente nasce de novo. Graças ao tratamento e minha fé em Deus estou aqui...
  • Instituto Oncoguia - Você sentiu algum efeito colateral diante ao tratamento? Como lidou com isso? O que te ajudou? Lucia - O efeito colateral foi a ganha de peso a qual estou lutando pra voltar ao normal, mas o mais que me incomoda é o lifedema no braço e dor no no braço. O que me ajuda são as drenagem linfáticas e meia de compressão no braço.
  • Instituto Oncoguia - Como foi/é a sua relação com seu médico oncologista? Lucia - Muito boa, somos amigos e ele é uma pessoa maravilhosa, agradeço todos dos dias a Deus por ter colocado ele em minha vida.
  • Instituto Oncoguia - Você se relacionou com outros profissionais? Se sim, quais e por quê? Lucia - Sim. Fisioterapeuta, psicóloga,  dentistas, minha medica de quimioterapia, pessoal de enfermagem... Eles todos me dão suporte no meu tratamento.
  • Instituto Oncoguia - Você fez ou faz acompanhamento psicológico? Se sim, conte-nos um pouco sobre a importância desse profissional nessa fase da sua vida. Lucia - Sim, porque o câncer assusta muito a gente, nos deixa desnorteados sem rumo e ela me ajuda, me corrige e me incentiva muito...
  • Instituto Oncoguia - Como está a sua vida hoje? Lucia - Está bem na medida do possível, porque nunca mais a nossa vida volta ao normal de antes, temos muitas restrições e limitações... As sequelas ficam.
  • Instituto Oncoguia - Você continua trabalhando ou parou por causa do câncer? Lucia - Não, o hospital não achou nenhuma atividade para me retornar, então ainda continuo no benefício.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou seus direitos? Se sim, quais? Lucia - O único direito foi o de sacar o FGTS para poder fazer a reconstituição da mama, não queria ficar na fila do SUS esperando para refazer a mama, então optei por fazer particular, porque a fila do SUS aqui é enorme eu acredito que eu morreria e não teria feito a reconstituição.
  • Instituto Oncoguia - Quais são seus projetos para o futuro? Lucia - Ajudar muitas pessoas com essa doença. Estou Criando um Grupo de apoio a pacientes portadores de câncer que se chama AMA associação mãos amigas de Aratiba. Está sendo muito bem aceito aqui em nosso município, visitei todos os pacientes do município e fui na casa de cada um dos pacientes os quais me receberam muito bem. Está sendo uma bênção.
  • Instituto Oncoguia - Que orientações você daria para alguém que está recebendo o diagnóstico de câncer hoje? Lucia - Tenha muita fé e coragem que tudo vai dar certo. Eu sempre digo para os que receberam a noticia entre o tratamento espiritual e o convencional opte pelos dois que tudo terá um desfecho positivo. Você é maior que o câncer...
  • Instituto Oncoguia - Como você conheceu o Oncoguia? Lucia - Dr. Felipe pediu pra mim curtir a pagina e eu gostei, estou amando os conteúdos que encontro nesta pagina está sendo de uma grande valia para mim e para o Grupo. Muito obrigada pelos esclarecimentos e os conteúdos nesta pagina.
  • Instituto Oncoguia - O que você acha que deveria ser feito para melhorar a situação do câncer no Brasil? Deixe um recado para os políticos brasileiros! Lucia - Ter mais médicos oncologistas nesta área, hospitais especializados e equipamentos para o tratamento. Quanto aos políticos, que pensassem mais nos doentes e na saúde da população, que roubassem menos e o que roubaram deveria ser pego de volta e investidos na saúde.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive