Espaço do

Paciente


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Apoio
Roche Norvatis Varian Bristol Lilly Amgen Pfizer Astrazeneca Bayer Janssen Msd Google grants Techsoup Lookmysite Ipsen Servier UICC Merck Abbvie Mundipharma United Medical Takeda Astellas

[Câncer de Pulmão] Elaine Cristina Isidoro Perini

Aprendendo Com Você



Essa entrevista foi preenchida em 20/08/2019

  • Instituto Oncoguia - Quem é você? (idade, profissão, tem filhos, casada, cidade e estado?) Elaine - Tenho 43 anos, professora, 1 filha-Isadora (12 anos), casada, moro em Santo André, São Paulo.
  • Instituto Oncoguia - Como foi que você descobriu que estava com câncer? Elaine - Descobri ao realizar exames de tomografia e petscan... Isso após 90 dias de diagnóstico errado (fibrose pulmonar).
  • Instituto Oncoguia - Você apresentou sinais e sintomas do câncer? Quais? Elaine - Em dezembro, comecei a ter uma tosse seca. Utilizei por conta própria xaropes e, após 2 meses tossindo, tive um episódio de tosse com sangue.
  • Instituto Oncoguia - Quais dificuldades você enfrentou para fechar o seu diagnóstico? Elaine - Biópsias com laudos inconclusivos; Falha médica de leitura da conclusão do laudo da biópsia; Dificuldades em fechar o laudo do imunohistoquimico.
  • Instituto Oncoguia - Como você ficou quando recebeu o diagnóstico? O que sentiu? No que pensou? Elaine - Quando eu li o laudo da tomo e vi algo dizendo de processo mitótico eu já senti que era câncer (mesmo não sendo tabagista). Não sei dizer o que senti, mas posso afirmar que não me desesperei, simplesmente pensei "agora vou ter que saber qual tipo é-benigno ou maligno" e fiquei apreensiva, pois teria que ficar afastada do meu trabalho.
  • Instituto Oncoguia - Qual foi a sua maior preocupação neste momento? Elaine - Acredite se quiser, parar de trabalhar! Para mim foi muito difícil ter que me ver afastada do trabalho (que eu amo), com pessoas que admiro...
  • Instituto Oncoguia - Você já começou o tratamento? Em que parte do tratamento você se encontra nesse momento? Se já finalizou, conte-nos um pouco sobre como foi enfrentar todos os tratamentos? Elaine - Estou entrando na fase de quimio e rádio concomitante.
  • Instituto Oncoguia - Em sua opinião, qual é o tratamento mais difícil? Por quê? Elaine - Quimioterapia: por conta dos efeitos colaterais.
  • Instituto Oncoguia - Você sentiu algum efeito colateral diante ao tratamento? Como lidou com isso? O que te ajudou? Elaine - Sim... Enjoo, mal estar, boca seca, falta de apetite, diarreia, queda de cabelos. Tenho procurado olhar tudo de forma positiva: não me permito! Não me entrego... Levanto, procuro fazer coisas que me dão prazer, como frutas (pq comida nem pensar!!), tomo sorvete! Cabelo: primeiro cortei e agora raspei... Minha família tem me ajudado muito e Deus tem sido minha fortaleza e meu sustento me colocando de pé diariamente.
  • Instituto Oncoguia - Como foi/é a sua relação com seu médico oncologista? Elaine - A melhor possível! Com ambos... Dra. Carolina Kawamura e Dr. Fábio Feio. Tenho muita segurança e confiança, sem contar que ambos são excelentes profissionais.
  • Instituto Oncoguia - Você se relacionou com outros profissionais? Se sim, quais e por quê? Elaine - Clínico geral (pronto socorro), enfermeiros (aplicação de medicação),broncoscopista (exame para diagnóstico), pneumologista (por que meu câncer é no pulmão), cardiologista (exames pré operatório), cirurgião torácico (possibilidade de cirurgia para retirada total do pulmão esquerdo) e oncologista (para direcionar meu tratamento).
  • Instituto Oncoguia - Você fez ou faz acompanhamento psicológico? Se sim, conte-nos um pouco sobre a importância desse profissional nessa fase da sua vida. Elaine - Não faço.
  • Instituto Oncoguia - Como está a sua vida hoje? Elaine - Está ótima! Não tenho nenhum sintoma de câncer pulmonar. Estou sem os cabelos e sem trabalhar, mas estou caminhando para a minha cura.
  • Instituto Oncoguia - Você continua trabalhando ou parou por causa do câncer? Elaine - Estou afastada até 16/9, porém meu médico acredita que só volte a trabalhar no próximo ano, por conta da radioterapia e depois imunoterapia.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou seus direitos? Se sim, quais? Elaine - Não.
  • Instituto Oncoguia - Quais são seus projetos para o futuro? Elaine - Quero fazer mais um curso superior (psicologia), viajar com minha família, voltar a trabalhar e começar outra atividade física (pilates).
  • Instituto Oncoguia - Que orientações você daria para alguém que está recebendo o diagnóstico de câncer hoje? Elaine - Calma, tem cura! Tem tratamento, tem qualidade de vida, tem luz no fim do túnel. Procure se cercar de tudo que te faz bem. Permita-se e deseje ardentemente, viver!!! Cuide do seu físico, emocional e espiritual. Tenha a seu lado pessoas positivas, alegres e principalmente, Ore, pois a oração tem um poder incrível de transformação.
  • Instituto Oncoguia - Como você conheceu o Oncoguia? Elaine - Através da busca no Google sobre algumas dúvidas e depois minha médica que me indicou para um bate-papo com a equipe.
  • Instituto Oncoguia - Você tem alguma sugestão a nos dar? Elaine - Estão de parabéns. Equipe fantástica com profissionais comprometidos a levar informação para todas as pessoas... Deixo como dica que se possível consigam levar informação nos meios de transporte e suas plataformas de embarque para atingir um número de pessoas cada vez maior!
  • Instituto Oncoguia - O que você acha que deveria ser feito para melhorar a situação do câncer no Brasil? Deixe um recado para os políticos brasileiros! Elaine - Compra de equipamentos que possibilitam o diagnóstico. Exames periódicos de prevenção dos mais diversos tipos de câncer e não somente dos mais "conhecidos” como o de mama, próstata, útero... Agilidade no tratamento após o diagnóstico e liberação de verba para o SUS, adquirir medicamentos para terapia alvo.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive